Triagem oftalmológica de recém-nascidos

SPSP – Sociedade de Pediatria de São Paulo
Texto divulgado em 30/01/2019

O Teste do Reflexo Vermelho (TRV) tem fundamental importância na prevenção à cegueira infantil, pois detecta precocemente alterações no eixo visual, e de malformações congênitas da retina e nervo óptico, como catarata, glaucoma e infeções congênitas.

Deve ser realizado pelo pediatra no berçário e nas consultas de rotina com 1 e 3 anos.

Quando o TRV for ausente ou alterado o pediatra deve encaminhar a criança para exame oftalmológico especializado para investigar a etiologia desta alteração e tratar a causa se necessário.

Recentemente, relato na mídia informou que o TRV Ampliado, que é uma foto do fundo do olho feita por uma câmera de grande angular, seria mais adequado. Tal fato levou a Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediátrica (SBOP) a se posicionar (leia o texto na integra) pois as mídias digitais têm grande valia na telemedicina, mas não são superiores nas crianças sem riscos.

Se o pediatra pode fazer um TRV sem perda de qualidade, nas doenças de retina a falta de um oftalmologista especializado neste Brasil continental pode ser suprida por um exame digital que será avaliado por oftalmologista a distância.

Acesse o Parecer da Sociedade Brasileira Oftalmologia Pediátrica sobre a triagem
oftalmológica de recém-nascidos:Clique aqui

 

Dra. Rosa Maria Graziano
Presidente do Departamento Científico de Oftalmologia da SPSP