Novembro Prateado – Fórum discute proteção à criança

SPSP-Sociedade de Pediatria de São Paulo
Texto divulgado em 25/11/2016

 

No último dia 8 de novembro aconteceu o 10º Fórum Paulista de Prevenção de Acidentes e Combate à Violência contra Crianças e Adolescentes (fotos), organizado pelo Núcleo de Estudos da Violência Doméstica contra a Criança e o Adolescente da SPSP (Nevdca-SPSP) e a Diretoria de Cursos e Eventos da SPSP. O evento, voltado para profissionais de diversas áreas que lidam com crianças e adolescentes, discutiu estratégias para identificar, encaminhar de modo adequado e prevenir situações de risco relacionadas a essa faixa etária e contou com mais de 121 participantes. “Considero uma grande conquista ter realizado a décima edição do Fórum”, comemorou Renata Waksman, coordenadora do Nevdca-SPSP. Neste evento as atenções foram voltadas para questões jurídicas da proteção à criança, informações atuais sobre o trabalho infantil e, particularmente, a estruturação da rede de proteção, que gera sempre muitas dúvidas.

“Um assunto que causou impacto foi a questão da gestação na adolescência, que tem sido cada vez mais frequente e ainda com o agravante do alto risco”, comentou Renata. Uma das apresentações do Fórum informou que a gravidez na adolescência é um problema importante que extrapola a área da saúde, apresentando desdobramentos no campo social e no da educação. Tem reflexo no adiamento da frequência à escola e, algumas vezes, no abandono dos estudos. Dados do SINASC (Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos) mostram que a proporção de nascidos vivos cujas mães são adolescentes é de quase 20%. A apresentação mostrou, ainda, que em 2014, as causas ligadas à gravidez, ao parto e ao puerpério causaram a morte de 255 adolescentes e foram responsáveis por mais de 560 mil internações (SUS), e o aborto representou 7,1% dos óbitos e 6,5% do total dessas internações. O assunto repercutiu na imprensa, com a participação da SPSP em matérias como esta: https://www.spsp.org.br/2016/11/09/spsp-participa-de-materia-sobre-gravidez-precoce-no-bom-dia-brasil/.

 

Fotos: SPSP

Foto 1: Mesa de abertura do evento. Da esquerda para direita: Renata Waksman, coordenadora do Fórum; Ivone Meinão, delegada das Assembléias da Associação Médica Brasileira; Mauro Gomes Aranha Lima, membro do Núcleo de Acidentes e Violência da Santa Casa; Claudio Barsanti, presidente da SPSP; Maria Helena Prado de Mello Jorge, professora da USP; Sergio Antonio Bastos Sarrubbo, membro da Comissão de Relações Comunitárias da SPSP e Marina Feferbaum, advogada e especialista em direitos humanos.

Mesa de abertura do evento. Da esquerda para direita: Renata Waksman, coordenadora do Fórum; Ivone Meinão, delegada das Assembléias da Associação Médica Brasileira; Mauro Gomes Aranha Lima, membro do Núcleo de Acidentes e Violência da Santa Casa; Claudio Barsanti, presidente da SPSP; Maria Helena Prado de Mello Jorge, professora da USP; Sergio Antonio Bastos Sarrubbo, membro da Comissão de Relações Comunitárias da SPSP e Marina Feferbaum, advogada e especialista em direitos humanos.

 

Público assiste à uma das palestras do Fórum.

Público assiste à uma das palestras do Fórum.